Cardoso é destaque estadual em doação de órgãos Hospital Municipal Ruth

Foto divulgação

A Comissão Hospitalar de Transplante (CHT) do Hospital Municipal Ruth Cardoso recebeu reconhecimento estadual pela SC Transplantes - Central de Transplantes de Santa Catarina, órgão responsável pela notificação, captação e distribuição de órgãos e tecidos no Estado.

O médico Joel de Andrade, responsável pela SC Transplantes, diz que na primeira semana de 2022, foi instituída oficialmente a Comissão Hospitalar de Transplantes, através do Projeto de Lei Municipal ordinária nº182/2021. “Tal avanço beneficiará a população de Balneário Camboriú e a todos os usuários do sistema de saúde que hoje, aguardam em uma lista de espera para transplante.”

Desde 2015, o hospital realizou mais de 250 captações de órgãos e 126 captações de tecido ocular. Em 2021, a unidade foi responsável pela notificação de 29 casos de morte encefálica, com 15 doações efetivas, atingindo 51,7% de efetivação no ano, superando a média estadual de 40,4%.

O diretor de enfermagem, Ricardo Brodersen, menciona que é gratificante saber que o hospital Ruth Cardoso está ajudando a reduzir as filas de espera por transplantes de órgãos no Estado. "Estamos ajudando a reduzir as filas de espera para transplantes de coração, fígado, rim, pâncreas, osso, córnea e esclera do olho”, ressalta Ricardo.

Doação de órgãos

A doação de órgãos é uma decisão da família, ato assegurado pela Lei nº 9.434, de 4 fevereiro de 1997, que institui a legalidade sobre a remoção de órgãos, tecidos e partes do corpo humano para fins de transplantes e tratamento, caso seja de livre vontade e autorizado pelo doador ou familiar responsável.